CURSO DE ACUPUNTURA

  • 11 2662-1713
  •  
  • 11 97504-9170

Acupuntura recupera Angelina Jolie

 

Acupuntura recupera Angelina Jolie

A atriz contou sobre o sofrimento da separação com o ex-marido, o quanto isso afetou sua saúde e a recuperação com a Acupuntura

angelina-jolie-300x225 Acupuntura recupera Angelina Jolie

Foto: FABRICE COFFRINI, AFP/Getty Images)

 

Angelina Jolie está se abrindo sobre seu ano difícil, do diagnóstico de Paralisia de Bell à separação com o Brad Pitt. Na reportagem de capa da revista Vanity Fair, Jolie revela que além de pressão alta, desenvolveu a Paralisia de Bell, uma condição resultante de danos aos nervos faciais, que fez com que um lado de sua face caísse.

“Às vezes, as mulheres em suas famílias se colocam em último lugar… e isto acaba se manifestando em sua própria saúde”, afirmou Jolie, de 42 anos, que creditou a sua recuperação à acupuntura. A Revista Vanity Fair não pesquisou sobre a causa da doença.

Jolie, que sofreu uma histerectomia em 2015 e uma mastectomia dupla em 2013, depois de saber que tinha uma mutação genética,  que a colocava em alto risco de câncer de mama e ovário, também está lidando com os cabelos mais grisalhos e a pele mais seca. “Não sei dizer se é a menopausa ou se foi devido ao ano que tive”, disse ela.
O ano a que ela se refere é o ano em que “as coisas ficaram ruins” com Brad Pitt, como Jolie se refere na reportagem da Vanity Fair, dizendo que o problema começou no verão de 2016, quando seu filme “First They Killed My Father” estava em pós-produção.

“As coisas se tornaram” difíceis “, disse ela à revista. Ela afirma, no entanto, que o estilo de vida de celebridade com seus seis filhos não era “de forma alguma negativa. Isso não era o problema “. Ela disse. “Isso é e continuará sendo uma das coisas maravilhosas que podemos dar aos nossos filhos … Eles são seis indivíduos de mente aberta, criativa e com maturidade. Estou muito orgulhosa deles “.

Jolie elogiou seus filhos Maddox, 15, Pax, 13 e Zahara, 12, Shiloh, 11, Vivienne, 9 e Knox, 9, por terem uma atitude “muito corajosa” durante o divórcio.”Todos estamos ainda nos recuperando dos eventos que levaram à separação … Eles não estão se recuperando do divórcio. Estão se recuperando de algumas coisas … da vida, das coisas da vida”, ela explicou criticamente.

 

Fonte: USA TODAY

Tradução: Faculdade EBRAMEC